sábado, 15 de novembro de 2014

Mitos sobre a frutose


Frutose, esse açúcar tem sido a nova vilã das dietas da moda, tem sido chamada de “veneno”, dizem que é tóxico e sobrecarrega o fígado, que engorda, entre outros. Mas, será tudo isso?

As pesquisas apresentadas se baseiam em estudos com RATOS, analisando uma dieta rica em carboidratos (frutose), onde o fígado metaboliza esse açúcar convertendo-o em gordura. O que acontece é que os ratos tem um sistema muito eficiente de conversão de carboidratos em gordura, mesmo em uma dieta sem excesso de calorias. Essa conversão do açúcar em gordura chega a ser maior que 50%.

Mas nós não somos ratos e essa conversão não se mantem nos humanos, na verdade, ela é insignificante dentro de uma alimentação normal. Digo alimentação normal porque nesses estudos com ratos, se fossemos converter a quantidade de frutose que os bichinhos comeram para a nossa população, seria algo em torno de 1,2kg de açúcar!

E eu ainda não conheci ninguém que conseguisse comer essa quantidade de açúcar por dia.

Quanto ao metabolismo da frutose e sua toxicidade, estudos (segue abaixo) demonstram que o nosso organismo converte 50% desse açúcar em glicose, 25% vira lactato e pouco mais de 15% em glicogênio. O restante é oxidado e convertido em CO2 e apenas 2% se transforma em gordura, o que é insignificante.

E antes de você pensar no coitado do lactato, saiba que não existe o menor problema com ele (segue estudo abaixo). Ele é importantíssimo em processos metabólicos no seu corpo, um combustível dentro do metabolismo aeróbio.

Frutose faz mal? NÃO, a frutose que faz mal é o que você acha nesses sucos de caixinhas, adoçantes, xaropes, inúmeras bebidas industrializadas, entre outros. Uso em excesso desse tipo de frutose faz mal. Não existe nenhum embasamento para a retirada de frutas da dieta. Não é tóxico, não engorda, relaxe e aproveite uma bela melancia gelada nesse calor.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/20086073 http://jp.physoc.org/content/558/1/5.long http://evolvinghealthscience.blogspot.com.br/2012/05/fate-of-fructose-interview-with-dr-john.html

via @Dorctorsunplugged

1 comentários:

Mariá mm disse...

A frutose boa como você Dr. Frederico comentou encontramos nas frutas comendo-as, mastigando-as e não nos sucos dessas próprias frutas, não é verdade?
Vários outros médicos dizem que quado se come a fruta as fibras nelas contidas ajudam para q a glicose ñ seja toda absorvida.

Postar um comentário

Propagandas (de qualquer tipo de produto) e mensagens ofensivas não serão aceitas pela moderação do blog.