sexta-feira, 14 de julho de 2017

Quando a culpa também é sua - Por Nutricionista Carol Sartori



Repost @sartori.carol - Todo profissional da saúde que prescreve um tratamento ilegal ou adota uma conduta antiética está agindo de forma INCORRETA e pode ser penalizado por eventuais danos à saúde do paciente.

Da mesma forma, profissionais que prescrevem medicamentos sem indicação (ex: hormônios para pessoas com valores dentro do padrão de referência, GH e demais hormônios com fins estéticos, sibutramina e orlistate para pacientes não obesos/saudáveis, forxiga, jardiance e insulina para pacientes sem diabetes/obesidade/resistência à insulina, dieta do HCG, etc) ou prometem cura para doenças atualmente incuráveis (autoimunes, diabetes, etc) ou melhora de doenças com base em tratamentos sem comprovação científica (lugol, agua alcalina, detox, etc) estão ERRADOS e podem inclusive ser acusados do crime de estelionato.

Mas hoje o objetivo é falar DE VOCÊ, paciente, que PROCURA esse tipo de coisa SABENDO que não está correto. Nem sempre as pessoas são enganadas por serem ignorantes a respeito. Eu garanto que quem paga 1000,00 reais em uma consulta de um medico que prescreve aquele coquetel enorme (testosterona, oxandrolona, GH, orlistate, forxiga, sibutramina e mais 1848743747448 de cápsulas manipuladas) para melhora ESTÉTICA (com a desculpa de que vai melhorar a saúde) sabe muito bem onde está se metendo e no fundo sabe que não é o caminho correto.

Da mesma forma, se vc segue orientação ou compra consultoria de blogueira, segue modas e acredita em tudo, vc está assumindo o risco! Não é possível que vc não saiba que essas pessoas não têm credibilidade para falar de saúde! Não é possível que vc não saiba identificar a hipocrisia por trás de algumas postagens.

Por isso, repense! Não dê sorte ao azar. Cuide da sua saúde de verdade. Não procure doenças que não existem. Não cultive mais o seu corpo do que a sua mente. Proteja-se dessa necessidade de impor insatisfação que a indústria do corpo perfeito deflagra para movimentar milhões de $ às custas de enganação e prejuízos à saúde. Não queira precisar procurar um médico de verdade para consertar o que o "operador de milagres" estragou! Ame-se!

0 comentários:

Postar um comentário

Propagandas (de qualquer tipo de produto) e mensagens ofensivas não serão aceitas pela moderação do blog.